Plano de ação empresarial - a importância de ter um e como montar o seu

A criação de um plano de ação é vital para o desenvolvimento de uma empresa, pois mais do que possuir ideias inovadoras e/ou ter potencial de sucesso no mercado, uma organização precisa saber exatamente colocar seus objetivos em prática.

O plano de ação empresarial é uma ferramenta que estipula os passos que uma corporação precisa passar a fim de alcançar suas metas.

É neste documento que existem as informações da empresa:

  • suas ações;
  • objetivos/metas;
  • cronogramas e prazos;
  • pessoas responsáveis pelas tarefas;
  • recursos humanos;
  • recursos financeiros;
  • métricas usadas para acompanhamento de resultados.

O artigo de hoje vai explicar tudo sobre o plano de ação empresarial - a importância de sua empresa ter um e também como montá-lo. Vamos lá?

Mas afinal, o que é um plano de ação empresarial?


O Plano de Ação/de Atividades/de Trabalho é uma das ferramentas mais simples e eficientes para planejar e acompanhar o andamento das atividades de uma empresa.

Basicamente é utilizado para garantir que nenhuma tarefa fique para trás, que o processo seja completo e eficiente do início ao fim.

Resumindo simplificadamente é um documento elaborado para um planejamento de trabalho necessário que busca atingir determinado resultado ou auxiliar na resolução de problemas.

Em geral é criado no formato de uma planilha contendo informações tais como:

Para que o Plano de Trabalho seja eficiente e cumpra sua função devem estar consolidadas todas as informações, detalhando os passos e recursos físicos/monetários/humanos necessários.

Esse documento permite que as decisões sejam tomadas antes da prática efetiva, garantindo assertividade e dando previsibilidade a eventuais problemas. É muito indicada para alcançar soluções a curto prazo.

A efetividade dele é explicada principalmente pois considera as condições internas e externas ao montar estratégias adequadas para serem desempenhadas em determinado tempo.

Porque o plano de ação é tão importante para sua empresa?


E porque ele é imprescindível? Pois para que o negócio desenvolva projetos de sucesso e consiga atingir seus objetivos são necessárias atitudes pautadas na clareza, dando à empresa todas as informações pertinentes para determinado fim, seja ele:

Sua importância máxima é por ser uma ferramenta de auxílio que transforma uma ideia abstrata em algo concreto.

Aspectos que consolidam a importância do plano de ação:

Para conseguir realizar tudo isso com produtividade, é necessário planejar bem os passos, possuir um cronograma de ações e ter foco para cumpri-los.

É aí que entra a tarefa de elaboração de um bom Plano de Ação, buscando obter um estudo detalhado das atividades necessárias para atingir determinado objetivo da empresa.

Como definir um plano de ação eficiente para sua empresa


Por ser uma ferramenta de uso simples, os Planos de Ação são muito usados em áreas de gestão, portanto uma empresa que busca crescer de forma saudável, a utilização desta ferramenta auxilia a trazer praticidade e organização ao processo de tomada de decisão, já que ela ajuda muito na execução e no controle das tarefas da empresa.

Além de propiciar frutos positivos, ainda traz economia de tempo e recursos, minimizando dúvidas e discussões na execução dos planos e garantindo maior produtividade, pois os envolvidos saberão o que fazer, quando, onde, de que forma.

Isso ajuda inclusive na criação de uma Cultura Organizacional de colaboração dentro da empresa.

Com um Plano de Ações claro e bem definido Assim, fica muito mais fácil propor soluções a sua empresa, por isso passemos ao próximo tópico, com dicas incríveis para elaborar o plano da sua empresa.

Como criar o Plano de Ação da sua empresa em 5 passos simples


Um Plano de Ação empresarial deve ter início, meio e fim, ou seja - deve ser elaborado, desenvolvido e encerrado. Dessa forma, o ciclo de vida dos Planos de Ações divide-se em 5 etapas:

Falaremos agora sobre cada uma delas.

Etapa 1: Iniciação

O ponto mais importante de um Plano de Ações é o seu objetivo, pois para definir todo o resto é saber se o Plano de Ação foi positivo ou não, é fundamental ter com clareza o que se espera dele.

Para ser bem elaborado ele exige também um grande conhecimento por parte do seu executor, para que ele organize o projeto com eficiência e identifique possíveis problemas que possam prejudicar as atividades.

Esse conhecimento permite definir os prazos e custos necessários para executar as ações de forma que tenham um desfecho positivo.

Etapa 2: Planejamento

Ao definir o objetivo, o planejamento é a etapa que será a base da estruturação. Aqui devem ser definidas as atividades e recursos necessários para a execução.

O executor nesta etapa elabora um cronograma, determina a participação dos profissionais e contabiliza os custos.

Além disso, faz-se necessária a elaboração de Planos de Ação secundários para realização das atividades delimitadas - de acordo com a exigência de cada uma.

Etapa 3: Execução

Esta é a fase em que as ações planejadas são colocadas em prática e para cada uma deve ser atribuído um orçamento previamente calculado, e a delimitação dos recursos humanos e físicos que serão empregados.

O executor nesta etapa analisa a execução das atividades a fundo porque essa fase dará evidência aos possíveis erros e/ou desvios de rota que possam vir a ocorrer e prejudicar o andamento do plano.

Etapa 4: Monitoramento

Para acompanhar a evolução geral do plano de ação, faz-se necessário definir no cronograma os períodos em que se fará essa análise.

Ao identificar algum possível problema, deve-se:

Ainda, se julgar necessário, busque ajustar alguma etapa do projeto visando sua plena execução.

Etapa 5: Encerramento

Na fase de encerramento que o Plano de ação precisa ser revisto e elaborado um relatório físico que permita acompanhar adequadamente.

Todos os envolvidos na execução do projeto precisam receber uma cópia das respectivas atividades e informações que sejam importantes.

Essa etapa é de suma importância para a criação dos próximos Planos de Ações. Isso pois, ao rever onde houveram possíveis erros e também os acertos traz experiência para os passos seguintes.

Metodologias e ferramentas eficientes que auxiliam no desenvolvimento do Plano de Ação


Agora iremos conhecer algumas das ferramentas e metodologias mais adotadas para o desenvolvimento de um plano de ação. São elas:

Os nomes podem parecer complicados, mas o conceito não é.

Ferramenta 5W2H

A parte mais crítica do plano de ação é descobrir quais ações precisam ser realizadas.

A ferramenta 5W2H funciona como um checklist, que verifica os 5 Ws e os dois Hs:

Simples e fácil de compreender né? Seguindo esses passos fica mamão com açúcar.

Diagrama de Ishikawa

O Diagrama de Ishikawa, “Espinha de Peixe” ou “Causa e Efeito”, é uma ferramenta gráfica criada visando auxiliar os gestores na avaliação de processos em busca das raízes de um problema.

Quando aplicado, ele permite dissecar o problema, auxiliando a equipe a ter uma melhor visão da questão e conseguindo encontrar soluções que sejam aplicáveis e viáveis.

O Diagrama de Ishikawa tem como ideia que: todo problema possui um número específico de causas - primárias, secundárias e terciárias.

As causas são divididas em 6 grupos, conhecidos como 6Ms:

Metodologia de ciclo PDCA

O PDCA é um método de gerenciamento de projetos que busca controlar e melhorar produtos e processos num processo contínuo, salientando os pontos fortes e corrigindo os fracos - tudo isso em prol da organização.

O ciclo divide-se em quatro etapas:

Nesse processo o foco é na repetição. A ferramenta é aplicada de forma sucessiva buscando encontrar a melhor maneira para realização das atividades.

Por isso, para o sucesso do seu funcionamento é essencial o planejamento cuidadoso do processo, uma padronização das atividades, atenção com a documentação e precisão nas medições.

Ter um plano de ação empresarial pode ser o segredo do sucesso!


Um plano de ação empresarial bem estruturado pode ser o grande diferencial para resolver problemas que se arrastam há muito tempo na empresa, ou mesmo para tirar do papel um projeto que pode revolucionar o negócio.

A verdade é que nenhuma empresa inicia as atividades com reputação pronta no mercado ou com os seus processos já perfeitamente estruturados. É preciso pensar nos detalhes, ter uma visão de todas as áreas da organização para chegar ao sucesso.

Leia em nosso blog

Como calcular preço de venda, margem e markup

Saiba TUDO sobre como calcular o preço correto dos seus produtos. Aprenda as diferenças entre margem, mark-up, markdown e CLD!

Cálculo do custo do produto fabricado

Aprenda de forma rápida o PASSO A PASSO de como calcular o custo do produto fabricado da sua padaria, confeitaria ou afins de forma correta!

14 Ideias criativas para padaria vender mais

Aprenda 14 ideias criativas para padaria que realmente geram resultados como aumento de vendas e fidelidade dos clientes! Não esqueça de aplicar a ideia bônus.

Layout de loja

Você entenderá de forma clara e objetiva a razão para tratar como prioridade tudo que envolve este processo de organização da sua área de vendas!

Como fazer encarte de supermercado

Neste artigo você vai aprender PASSO A PASSO como fazer um encarte matador! O design é importante, mas vamos focar nas estratégias para você lucrar com ofertas.

Como aumentar vendas no varejo

Todo empreendedor sabe que aumentar vendas é essencial para manter as portas abertas. É por isso que empresas ao redor do planeta procuram por técnicas e métodos para conseguir vender seus produtos. Vamos explicar várias formas para aumentar seu faturamento de maneira simples, rápida e objetiva.

Como aumentar a produtividade da equipe

Aumentar a produtividade da equipe é um tema sempre em pauta nas empresas. Afinal, equipes que produzem mais geram mais valor, permitindo à empresa crescer consistentemente.

Metas e objetivos: como definir e qual a importância

As metas e objetivos são elementos-chave dentro das organizações, permitindo que as empresas cresçam de forma consistente ao longo dos anos.

Plano de negócio: Qual a importância e como fazer

Se você é do ramo empresarial ou tem experiência no empreendedorismo, com certeza já ouviu falar em plano de negócios, não é verdade? No entanto, muitas pessoas estão tendo um primeiro contato com esse mundo, e mal sabem o básico para serem bem-sucedidas nele.

Plano de ação empresarial - a importância de você ter um e como montar o seu

A criação de um plano de ação é vital para o desenvolvimento de uma empresa, pois mais do que possuir ideias inovadoras e/ou ter potencial de sucesso no mercado, uma organização precisa saber exatamente colocar seus objetivos em prática.

Mercado Digital - Por que sua empresa precisa estar nele?

Mercado digital é um termo a que muitos empresários ainda precisam se acostumar. Não são poucos aqueles que ainda ignoram as possibilidades que os aplicativos, os marketplaces e a internet como um todo oferecem no que se refere ao comércio e à prestação de serviços.

Como aumentar vendas em empresas de serviços

Você sabe como oferecer prestação de serviços de qualidade para seu cliente? Pensa que a sua empresa presta um serviço de excelência? Se a resposta for sim, que ótimo. Mas e a opinião dos seus clientes, é a mesma? Pois é aí que o sapato aperta.

Como estruturar um processo de vendas

Independente do tipo de empresa, há um time que tem um papel fundamental para alcançar o sucesso - estamos falando do time das vendas - que tem o papel fundamental de converter as oportunidades transformando-as numa venda e consequentemente em lucro para a empresa.

Canais de vendas - O que são e qual a importância

É através dos canais de venda que o cliente passa a ter contato com a sua empresa. É aí que ocorre a atração do público que ainda não é seu cliente, mas tem intenção de compra do seu produto ou serviço.

Receba conteúdo épico no seu e-mail

Diretamente no nosso QG pra você. Só os melhores conteúdos.

Obrigado! Você está inscrito em nossa lista.