Franquia, vale a pena investir?

Após a pandemia a situação econômica se complicou de forma significativa.

Mas saiba que nem todos os segmentos foram impactados nessa recessão. Um exemplo é o setor de franquias, que vem crescendo a pleno vapor.

Dados coletados pela Associação Brasileira de Franchising (ABF) mostram que esse setor registrou um crescimento de 7,7% no ano de 2021 atingindo um faturamento superior aos R$127 bilhões de reais no ano passado.

Ainda ampliou a taxa de geração de empregos em 6,5% - ou seja, mais de 1 milhão de novas vagas disponíveis nas 125.641 unidades de franqueadas espalhadas no Brasil.

Por isso, se a sua ideia é investir numa franquia, ter certeza se vale a pena ou não, leia esse artigo até o fim que ele vai te dar um norte sobre o assunto e ajudar você a decidir qual o melhor modelo para o seu perfil.

O que é uma franquia e como ela funciona


As franquias oferecem ao investidor a opção de aquisição de uma marca já consagrada no seu nicho de mercado, o que minimiza significativamente os riscos de investir e dá uma grande experiência ao franqueado.

As franquias também oferecem suporte operacional por meio de métodos de gestão e acompanhamento contínuo, fornecendo orientações permanentes sobre a operação das lojas, sempre oferecendo treinamentos e manuais operacionais.

Quero abrir uma franquia… será que vale a pena?


O mais importante, é o plano de negócios oferecido pela rede detentora da franquia, pois é ele que define o passo a passo para que haja um desenvolvimento adequado do seu empreendimento.

Inclusive, é possível ter todo o suporte da marca para resolver várias questões:

Sem um auxílio concreto para conduzir esses detalhes por conta própria poderia ser bem mais desafiador e até arriscado, o que acontece com empresas não franqueadas.

A chance de sucesso é alta justamente por se tratar de algo já definido e testado, que foi melhorado onde precisava e portanto possui mais chances de funcionar do que uma empresa que está iniciando do zero.

Para que você tenha uma ideia o IBGE, estima que 5 em cada 100 franqueados fecham seus negócios antes de dois anos, já empresas não franqueadas esse número é cinco vezes maior.

O ambiente empresarial do franchising está em constante desenvolvimento e as expectativas crescem ano após ano e reforçam a estabilidade deste setor.

A cada ano, os dados de crescimento desse setor da economia alcançam resultados satisfatórios, o que fortalece a ideia de que as franquias são solo fértil para os negócios.

Franquia e a possibilidade de ter seu próprio negócio


Ter uma franquia oferece a possibilidade de realizar o desejo de ter o próprio negócio.

E este é um dos grandes sonhos do empreendedor Brasileiro - conforme pesquisa do SEBRAE:

Outra pesquisa, desta vez realizada pela Endeavor, apontou que 90% dos brasileiros acreditam que os empreendedores geram emprego e renda. Também creem que o fato de ser o seu patrão significa poder ajudar outras pessoas e ao mesmo tempo beneficiar-se do seu trabalho.

Ter uma franquia é o projeto de muitas pessoas e não à toa, já que ela oferece grandes motivadores:

Mas antes de sair investindo em franquias você deve estar atento a algumas questões:

  1. aprovação do perfil;
  2. tempo de treinamento;
  3. manuais operacionais;
  4. Suporte durante a gestão;
  5. inauguração.

Tudo isso deve ser levado em conta - e também escolher uma franquia que seja segura e confiável. Vejamos como fazer isso.

Como saber se uma franquia é segura?


Para avaliar se a franquia é realmente segura, o mais importante é que a sua franqueadora esteja preocupada e em concomitância com as regras da Lei de Franquias - onde fica a listagem com todas as normas importantes na relação franqueador e franqueado.

Também deve ser analisada a Circular de Oferta de Franquia (COF), pois ela é essencial neste tipo de negócio e deve ser cuidadosamente avaliada - já que é neste documento que estão todas as informações sobre o negócio:

Somente com a análise detalhada da COF você terá a certeza de escolher uma franquia que valha a pena investir. Investindo numa franquia Berrytech, você terá em mãos todas as informações pertinentes, de forma a investir com segurança e tranquilidade.

Agora selecionamos outros setores promissores para quem deseja investir nesse ramo.

Melhores setores para investir numa franquia


A cada ano, a Associação Brasileira de Franchising (ABF) divulga um balanço do crescimento das franquias no País. Com esses dados junto a outros números da Economia, pode-se fazer uma análise aprofundada para verificar os segmentos de franquia mais lucrativos para investir.

Os dados da ABF de 2021 mostram que Alimentação é o segmento mais representativo no rol das 50 Maiores Franquias do Brasil por nº de unidades, tendo 37% do total, seguido por Saúde, Beleza e Bem-Estar no segundo lugar com 19%, e Serviços e Outros Negócios em terceiro, com 11%.

Além destes segmentos outros merecem destaque:

O segmento de alimentação realmente domina o ranking de faturamento de franquias no Brasil. Segundo dados do Sindicato das Cozinhas Industriais (Sindal), só o mercado de fast food movimenta cerca de R$ 84 bilhões por ano aqui no Brasil.

Falaremos agora das particularidades de cada um.

Franquias do ramo Alimentício

Como você pode ver, as franquias de alimentação são boas opções de investimento. Esse é um setor que lança muitos empreendedores devido a facilidade de oferecer serviços e a receptividade do consumidor. Isso acaba por atrair os investidores.

O mercado de alimentos tem crescido mais e mais com o advento da tecnologia - implantação dos serviços de venda de comida online e por apps e delivery.

Esse ramo é muito propício para novidades e está se adequando aos novos perfis de consumidor, surgindo opções que atendam os subsegmentos como:

Além desses há o fast-food, que são opções garantidas nas franquias de serviços alimentícios.

O ponto crítico deste ramo são os valores de investimento, que normalmente são altos e exigem um capital de giro relevante para inciar.

Franquias do ramo de Casa e Construção

O setor de construção vem crescendo no franchising, e teve um aumento de 12,8% no faturamento em 2020 segundo a ABF.

Esse aumento mostra que certos consumidores aproveitando o momento de instabilidade econômica, investiram em pequenas reformas e construções, justamente por estarem passando mais tempo nas residências ou trabalhando em home office.

Franquias do ramo de Beleza e estética

O setor de Beleza e estética é uma parcela significativa do mercado, as unidades de franquia desse ramo estão entre os principais empreendimentos que movimentam a Economia do setor de franchising.

Segundo pesquisa da Quorum Brasil, 97% das mulheres não abrem mão de investir em serviços de beleza e estética, investindo mais de 30% da sua renda nesses serviços.

Franquias do ramo Moda e Vestuário

Moda e vestuário está entre os ramos de maior destaque no franchising e isso está intimamente ligado a marcas que buscam democratização da moda, oferecendo os produtos de qualidade com preços justos.

A força do setor também é impulsionada pelas vendas on-line e em outros canais, como o comércio na porta do cliente - os produtos são levados aos consumidores, que buscam cada vez mais praticidade.

Franquias do ramo de Serviços Automotivos

Os carros são uma das paixões dos brasileiros, dessa forma, os cuidados com veículos estão dentro das necessidades de quem busca mantê-los sempre limpos e conservados.

Essa paixão reflete a demanda crescente nesse ramo, que é suprida por franquias de serviços automotivos dos mais variados tipos:

Franquias do ramo de Serviços educacionais

De modo geral, o setor de educação vem surpreendendo mesmo em meio a crise que abalou outros setores.

Segundo (IBGE), o setor de educação teve um crescimento de 37,5% entre 2013 a 2017.

Assim, o setor está em alta e com um público-alvo bem amplo, possui ainda mais possibilidades de crescimento.

Franquia de consultoria empresarial da Berrytech

A Berrytech é uma empresa de consultoria para pequenos e médios negócios que já ajudou mais 600 empresas em 26 estados do Brasil. Com muitos anos de experiência e definição do modelo, ao final de 2021 iniciou o processo de expansão de franquias.

O investimento inicial é muito acessível, pois o franqueado pode começar com modelo de micro-franquia e trabalhar do próprio home office, sem necessidade de investir em um ponto comercial e grandes estruturas.

Outro ponto forte da franquia de consultoria Berrytech, é que não é necessário experiência como consultor. A capacitação e o treinamento do modelo, já prevê a formação do franqueado em até 120 dias.

A consultoria empresarial é um mercado de franquias que vem crescendo de forma exponencial e que tem muito potencial pela frente, visto que existem mais de 7 milhões de pequenas empresas no Brasil precisando de auxílio na sua gestão.

No momento da publicação deste artigo, a Berrytech oferece uma condição comercial onde o franqueado já inicia com alguns clientes incluídos na taxa de franquia, o que permite já começar a faturar.

Faça uma análise profunda e avalie além do franchising


Na hora de escolher um segmento de franquia para investir, é importante que você pesquise para além do setor de franchising para saber como o mercado daquele setor tem se comportado nos últimos anos e quais as tendências econômicas futuras.

O franchising é dividido pela ABF em 11 diferentes segmentos e essa divisão é bem democrática - o que possibilita oferecer opções para todos os perfis de empreendedor.

Analise todas as opções, desde microfranquias que são de menor porte, mais baratas e com menor risco de investimento, até as mais robustas, como lojas físicas de shoppings centers ou grandes centros comerciais.

A franquia possibilita ao público mais jovem, que possua interesse em investir e ter uma primeira experiência no âmbito comercial, pode contar com a expertise das franquias para iniciar um empreendimento, tendo uma margem de erro muito menor do que empreender sozinho.

E também atinge as pessoas mais experientes, conhecidas atualmente como geração prateada - acima dos 60 anos - que normalmente estão aposentados ou buscam por uma nova atividade, como o investimento em um negócio próprio.

Mas sendo mais velho ou mais jovem, você precisa ter em mente que apesar de um setor ser lucrativo, de nada adianta investir nele se você não tiver afinidade com a área.

Ou seja, para se trabalhar com alimentação você deve gostar de gastronomia e culinária, se você curte carros, escolha uma franquia de serviços automotivos e assim por diante. Se você prefere prestar consultorias a empresas e gosta de trabalhar em home office, a franquia da Berrytech é ideal.

É fundamental que antes de abrir uma franquia, você goste do trabalho que ela vai realizar, para que você mantenha o entusiasmo no negócio. Busque um modelo de negócio que converse com seu objetivo de empreender.

Como me tornar um franqueado?

Guia passo a passo para abrir sua franquia


Após definir o segmento de franquia que vai de encontro aos seus interesses pessoais é chegada a hora de iniciar o processo de franqueamento.

Cada etapa tem sua devida importância e deve ser feita com cuidado, entre essas etapas, está a pesquisa das franquias, já que são muitas as marcas de franquias disponíveis, nos mais variados setores.

Para uma franquia dar certo, ela precisa ser uma parceria entre empresário e marca, benéfico para ambos os lados. É uma via onde as duas partes saem ganhando.

Por isso as empresas que desejam ser franqueadas precisam seguir uma padronização específica da marca de forma que ela possa ser reconhecida em qualquer lugar no mundo.

Quando definir a sua franquia de desejo e entrar em contato com ela haverão algumas regras a seguir, que dará maior segurança para a sua unidade e ampliará as chances de sucesso.

Para se tornar um franqueado é necessário seguir um roteiro. Acompanhe o passo a passo abaixo.

  1. Escolha a marca e entre em contato com ela: Após escolher o segmento que mais lhe agradou, entre em contato com a marca que deseja ser um franqueado e faça o cadastro com seus dados.

  2. Após a aprovação, será agendada uma reunião para que você receba a Circular de Oferta de Franquia com as informações sobre a empresa e o contrato.

  3. Aqui é o momento de tirar as dúvidas e entender como funciona a empresa. Inteire-se a respeito das taxas e valores a serem pagos e como o é suporte.

  4. Após, tente conhecer outras franquias da marca escolhida e veja como funciona o negócio de perto, pois após receber a COF, você tem 10 dias para avaliação da proposta.

  5. Se você deu sinal verde e bateu o martelo que quer montar uma franquia da empresa escolhida, é momento de assinar o contrato.

  6. Depois do fechamento do contrato, você receberá um cronograma com os passos que devem ser dados a seguir, como: período para abrir a franquia e contratação de colaboradores. Esse prazo em média é de 90 a 120 dias.

  7. Abrir uma empresa cumprindo as obrigações fiscais e ajustando os últimos detalhes faltantes.

  8. Confira todos os detalhes finais e prepare-se para a inauguração da sua loja.

  9. Mensalmente você deverá efetuar o pagamento das taxas mensais de royalties e publicidade do direito de uso da marca e do sistema da franquia.

Considerações importantes para quem busca ser um franqueado


Detalhes importantes precisam ser considerados para quem deseja abrir uma franquia. Selecionamos quais são eles:

Encontre com cuidado o segmento ideal e avalie-o como um todo

Conhecer de perto o segmento que mais chama a sua atenção não é observar apenas o financeiro, mas avaliar também outros aspectos.

Quando fazemos a análise de apenas um ponto, tendemos a ignorar os desafios e problemas que precisam ser enfrentados para atingir um resultado positivo.

Empreender é mudar de vida e ter algo seu que goste de fazer, já que somos mais motivados quando fazemos algo que nos agrada, que realmente atende às suas necessidades profissionais e pessoais.

Estude o nicho de mercado onde sua franquia será inserida

Conhecer todos os pontos do mercado em questão é pesquisar as tendências para médio e longo prazo e que estejam mais preparadas para as mudanças que irão acontecer com o passar dos anos e a evolução do mercado e das necessidades do consumidor.

Busque marcas que ofereçam opções para esse determinado público ou região, isso porque uma empresa do segmento que não considera essas variáveis, tende a correr mais risco no futuro.

A franquia da Berrytech é muito promissora nesse sentido, pois as regiões de atuação são divididas de forma proporcional ao potencial de mercado, de forma que todos os franqueados sejam beneficiados.

Saiba a sua capacidade financeira

Saber a sua capacidade financeira é fundamental para determinar a sua margem de investimento. Ter uma boa relação com o seu dinheiro e fazer um acompanhamento de perto dele é imprescindível.

Quem não possui a prática de administrar as suas finanças, é importante começar a fazer isso com exercícios simples:

  1. No final do mês faça um levantamento das suas despesas ao longo deste período e identifique quais são realmente importantes para a sua qualidade de vida.

  2. Depois entre em contato com as prestadoras de serviços como celular, internet e proponha uma renegociação para pacotes mais baratos, mas que não interfiram na perda do que você está habituado.

  3. Nas dívidas com bancos ou estabelecimentos, procure o credor e tente renegociar suas pendências. Como eles querem receber o dinheiro, farão boas propostas para encontrar uma condição amigável.

  4. Para que o dinheiro não fique lhe tentando a gastá-lo, coloque os excedentes em investimentos para que ele acompanhe a inflação e não perca valor.

Determinar seu limite de investimento

Leve em consideração todo o dinheiro que você possui para abrir a franquia e fazê-lo duplicar, já que é comum que muitos empreendedores busquem o auxílio de empresas de empréstimo para tirar o seu projeto do papel.

Alguns bancos brasileiros trabalham com condições especiais para franqueados - juros mais baixos ou parcelamentos mais longos.

Para que você não coloque a sua unidade em risco nos primeiros meses, o ideal é solicitar um empréstimo de metade do valor necessário para o investimento total. Dessa forma você não prejudicará suas contas.

Busque marcas com investimento condizente com a sua capacidade de investimento. Há franquias com investimentos mais baixos e outras até 50 mil ou mais.

A franquia da Berrytech é uma das que necessita um baixo investimento - a estimativa é que o investimento extra - além da taxa de franquia, não ultrapasse R$ 5.000 mil reais e se estima que o faturamento bruto mensal seja em torno de R$ 26 mil depois de 12 meses de operação!

Quanto menos dinheiro você precisar, melhor, aí basta fazer o cálculo para achar a margem que se encaixa dentro da sua realidade.

Selecione as marcas de acordo com seus objetivos

Considere a taxa de rentabilidade referente ao tempo que o empreendimento da franquia tem para pagar o investimento inicial com base no faturamento médio.

Analise todas as questões e separe os pontos positivos e aqueles que deixam a desejar das empresas que lhe interessem. Separe aquelas que mais chamam a sua atenção pela descrição do negócio, se a marca é conhecida ou não e o tempo em que ela está consolidada no mercado.

Busque encontrar pontos que despertam a sua confiança no empreendimento e não se esqueça de ir além da parte financeira. Procure o melhor custo-benefício para o seu objetivo final.

Perfil comercial do franqueado

Para lidar com o mercado competitivo, é preciso ter um perfil comercial engajado, tratar bem a clientela e desenvolver as demandas internas com muita eficiência.

Esteja sempre atento:

Com esses cuidados é possível gerar confiança, fidelizar o consumidor o que irá contribuir para o crescimento do seu empreendimento.

Quanto lucro posso ter com as franquias?


Para saber mais sobre isso, vamos precisar falar sobre o ROI do inglês - Return Over Investiment - traduzindo para o português, Retorno Sobre o Investimento. Essa é uma métrica de avaliação relativa ao retorno que cada investimento traz para o seu negócio, ou seja, o quanto ele está rendendo.

Você poderá considerá-la como uma das avaliações mais importantes para sua empresa, já que a sua mensuração de resultados mostra o que é passível de ser melhorado ou o que está funcionando bem e deve ser mantido no desempenho das atividades.

Investir em uma franquia é promissor sim!


Com certeza o investimento numa franquia é um bom negócio. Se for franquias da Berrytech, o sucesso é garantido, pois elas contam com:

  • treinamento e capacitação dos franqueados
  • suporte para dúvidas e auxílio
  • software especializado para operação

As franquias costumam ser um ambiente promissor, isso pois trazem consigo grandes oportunidades de negócios, juntamente com modelos prontos e um excelente aparato interno, testado e completo, cujo objetivo é auxiliar investidores que buscam abrir o seu empreendimento, ter sua própria franquia.

Para quem está interessado em investir em franquias é preciso conhecer bem esse formato de empreendimento e saber que ele não é uma opção para quem deseja cruzar os braços. Afinal, nenhum investimento dá frutos sem haver esforço, e num modelo de negócio que envolve ser um franqueado isso não seria diferente.

Você estar disposto a pôr a mão na massa e muitas vezes trabalhar mais de 8 horas por dia é o primeiro passo para saber se abrir uma franquia realmente vale a pena. Ser dono do próprio negócio requer determinação.

Foque em otimizar seu tempo, seu investimento, seu treinamento, seu empenho e a sua força de vontade para alcançar aquilo que os empreendedores desejam – que sua empresa atinja o sucesso.

A sua dedicação em fazer valer o investimento fará toda a diferença!

Caso queira conhecer mais sobre a franquia de consultoria que mais cresce no Brasil,Clique Aqui

Leia em nosso blog

Como calcular preço de venda, margem e markup

Saiba TUDO sobre como calcular o preço correto dos seus produtos. Aprenda as diferenças entre margem, mark-up, markdown e CLD!

Cálculo do custo do produto fabricado

Aprenda de forma rápida o PASSO A PASSO de como calcular o custo do produto fabricado da sua padaria, confeitaria ou afins de forma correta!

14 Ideias criativas para padaria vender mais

Aprenda 14 ideias criativas para padaria que realmente geram resultados como aumento de vendas e fidelidade dos clientes! Não esqueça de aplicar a ideia bônus.

Layout de loja

Você entenderá de forma clara e objetiva a razão para tratar como prioridade tudo que envolve este processo de organização da sua área de vendas!

Como fazer encarte de supermercado

Neste artigo você vai aprender PASSO A PASSO como fazer um encarte matador! O design é importante, mas vamos focar nas estratégias para você lucrar com ofertas.

Como aumentar vendas no varejo

Todo empreendedor sabe que aumentar vendas é essencial para manter as portas abertas. É por isso que empresas ao redor do planeta procuram por técnicas e métodos para conseguir vender seus produtos. Vamos explicar várias formas para aumentar seu faturamento de maneira simples, rápida e objetiva.

Como aumentar a produtividade da equipe

Aumentar a produtividade da equipe é um tema sempre em pauta nas empresas. Afinal, equipes que produzem mais geram mais valor, permitindo à empresa crescer consistentemente.

Metas e objetivos: como definir e qual a importância

As metas e objetivos são elementos-chave dentro das organizações, permitindo que as empresas cresçam de forma consistente ao longo dos anos.

Plano de negócio: Qual a importância e como fazer

Se você é do ramo empresarial ou tem experiência no empreendedorismo, com certeza já ouviu falar em plano de negócios, não é verdade? No entanto, muitas pessoas estão tendo um primeiro contato com esse mundo, e mal sabem o básico para serem bem-sucedidas nele.

Plano de ação empresarial - a importância de você ter um e como montar o seu

A criação de um plano de ação é vital para o desenvolvimento de uma empresa, pois mais do que possuir ideias inovadoras e/ou ter potencial de sucesso no mercado, uma organização precisa saber exatamente colocar seus objetivos em prática.

Mercado Digital - Por que sua empresa precisa estar nele?

Mercado digital é um termo a que muitos empresários ainda precisam se acostumar. Não são poucos aqueles que ainda ignoram as possibilidades que os aplicativos, os marketplaces e a internet como um todo oferecem no que se refere ao comércio e à prestação de serviços.

Como aumentar vendas em empresas de serviços

Você sabe como oferecer prestação de serviços de qualidade para seu cliente? Pensa que a sua empresa presta um serviço de excelência? Se a resposta for sim, que ótimo. Mas e a opinião dos seus clientes, é a mesma? Pois é aí que o sapato aperta.

Como estruturar um processo de vendas

Independente do tipo de empresa, há um time que tem um papel fundamental para alcançar o sucesso - estamos falando do time das vendas - que tem o papel fundamental de converter as oportunidades transformando-as numa venda e consequentemente em lucro para a empresa.

Canais de vendas - O que são e qual a importância

É através dos canais de venda que o cliente passa a ter contato com a sua empresa. É aí que ocorre a atração do público que ainda não é seu cliente, mas tem intenção de compra do seu produto ou serviço.

Franquia, vale a pena investir?

Após a pandemia a situação econômica se complicou de forma significativa. Mas saiba que nem todos os segmentos foram impactados nessa recessão. Um exemplo é o setor de franquias, que vem crescendo a pleno vapor.

Como ter uma boa liderança na sua empresa

Independente se você já é líder de uma equipe ou se está se preparando para essa função, nunca é demais se informar sobre como ter uma boa liderança na sua empresa.

Precificação: Dicas de como precificar corretamente

Se você chegou até aqui, provavelmente está interessado no assunto “Precificação”, ou mais diretamente, está em busca de dicas de como precificar corretamente, certo? Em ambos os casos, esse texto pode te ajudar, muito pelo fato de que a precificação vai além de apenas colocar preços nos produtos e/ou serviços.

Receba conteúdo épico no seu e-mail

Diretamente no nosso QG pra você. Só os melhores conteúdos.

Obrigado! Você está inscrito em nossa lista.